O novo lançamento de Musk iluminou o céu da Califórnia

O fogo de artifício involuntário foi registado nas redes sociais.

Que Elon Musk e a SpaceX deixam muitos de boca aberta não é novidade mas esta sexta-feira o fenómeno foi ainda mais literal.

O Falcon 9, um dos ex-libris da companhia, foi lançado no dia 22 de Dezembro por volta às 17h27 criando no céu um magnífico espectáculo de luzes, amplamente partilhado nas redes sociais.

O lançamento, feito 30 minutos depois do pôr-do-sol, foi bem sucedido e serviu de impulso à colocação de 10 novos satélites de comunicação em órbita, na constelação de satélites Iridium, mas não foram estes os sucessos mais celebrados.

O rasgar dos céus proporcionado pelo potente foguetão não passou despercebido aos californianos que, recorrendo aos seus smartphones, captaram dos mais diferentes ângulos este fenómeno poucas vezes visto.

Elon Musk também reagiu na sua conta pessoal ao lançamento, neste caso com um sentido de humor no mínimo duvidoso, associando com uma leviandade estranha este lançamento aos testes e ameaças de lançamento da Coreia do Norte.

Como é hábito, na conta oficial da Space X, passado poucas horas, foram carregadas várias fotos que mostram a sequência do espectacular lançamento. Apesar do espectáculo luminoso, surpreendente e aparentemente inédito, este foi apenas um de uma série de dozes lançamentos espaciais protagonizados pela Space X ao longo deste ano.

Repórteres da AP, presentes no local, adiantam que a escolha da hora, logo após o pôr-do-sol, terá sido a chave para este fogo de artifício involuntário.