Anúncio da Supreme esgota jornal nova-iorquino

A corrida às compras e o esgotamento dos jornais não é de estranhar, uma vez que a marca é mesmo conhecida pela sua legião de fãs que findam as colecções nas primeiras horas de venda online.

Mais do que uma simples marca de roupa, a Supreme revela-se a cada acção nos últimos anos um autêntico fenómeno de marketing. A valorização provocada pelo pequeno e simples logótipo em qualquer objecto onde seja impresso licitamente tornou-se um case study sobre como gerar fidelidade entre uma marca e a sua comunidade; qualquer peça da marca nova-iorquina – seja uma t-shirt branca ou tijolo – esgota num ápice e mesmo as acções promocionais da marca não são excepção, como é este caso.

Numa acção promocional inédita, a marca do famoso rectângulo vermelho fez take over da capa de um dos principais jornais nova-iorquinos e a procura foi de tal ordem que já surgem exemplares em re-venda em sites como o eBay por um valor muito superior ao original – o jornal custa um dólar e, segundo reporta o AdAge, há quem esteja a vender a sua cópia por 8 e 9 dólares , sendo que isto é só o começo.

New York Post on newsstands now. @nypost

A post shared by Supreme (@supremenewyork) on

Jesse Angelo, publisher do New York Post, um dos jornais do chamado Império Murdoch, confessou, em declarações ao New York Times, que o resultado da acção e a corrida às bancas já era de prever e que desde o princípio que souberam que este se tornaria um “objecto de colecção”, apesar de não ter dados concretos sobre o número de vendas.

Outros intervenientes neste processo de distribuição de jornais, também ouvidos pelo New York Times, falaram de uma procura acima da média e de terem vendido todos os jornais disponíveis, com alguns estabelecimentos a esgotar o seu stock logo pelas sete da manhã.

A corrida às compras e o esgotamento dos jornais não é de estranhar, uma vez que a marca é mesmo conhecida pela sua legião de fãs que findam as colecções nas primeiras horas de venda online. Um desses coleccionadores mais conhecidos na internet, com 115 mil seguidores e sem nenhuma ligação oficial à marca, @DropsByJay, fez questão de mostrar aos seus seguidores que também tinha conseguido um exemplar.