Alguns podcasts para te inspirar neste regresso ao trabalho

A escolha é altamente subjectiva; por isso, partilhamos contigo uma lista vasta. São podcasts para te inspirares.

Ilustração de Ricardo Santos/Shifter

No final de 2017 partilhámos os podcasts que nos estavam entusiasmar em Portugal, agora alargarmos o território e damos-te a conhecer o que estamos a acompanhar globalmente. A escolha é altamente subjectiva; por isso, partilhamos contigo uma lista vasta com um enquadramento breve – fica do teu lado e ao teu critério explorares aquilo que mais te interessa. Por mais do que bons ou maus numa categorização que acabaria por ser injusta, cada podcast tem um seu momento certo e só tu sabes quando gostas desta companhia. Mas antes de lá irmos, um ponto da situação sobre este mundo novo dos podcasts.

Quando pensamos no formato podcast apesar do nome soar moderno não pensamos em nada de especialmente novo. No que toca ao conteúdo realmente não o é. Aquilo em que frequentemente não pensamos é na tecnologia que está dá origem a esse termo – outro exemplo, os torrents. As palavras surgem no nosso vocabulário e durante o processo de assimilação raramente conhecemos a sua história – uma etimologia muito moderna neste caso.

A ideia por trás do podcast nasceu das mãos de um ex-VJ da MTV, Adam Curry, em colaboração com o engenheiro de software Dave Winer. A primeira versão chamava-se iPodder e permitia fazer o download de ficheiros de áudio directamente para o iPod. Assim surgia um movimento que, vendo bem as coisas, tem o seu quê de rádio pirata e jamais viria a parar. Já lá vão 14 anos.

A essência do podcast é que o emissor dispensa de uma licença de transmissão rádio, normalmente associada a um pagamento e sujeita a regulação. Funciona através de RSS para a distribuição de conteúdo – foi graças a uma funcionalidade incluída por Dave Winer que permitia a transmissão de ficheiros multimédia por RSS que tudo foi possível.

O termo “podcast” resulta da combinação de “iPod” com “Broadcast” e a sua autoria atribui-se a Ben Hammersley num artigo do The Guardian, enquanto se questionava o que chamar à rádio online que via surgir.

StartUp by Gimlet Media

Startup é um podcast sobre start-ups mas não é nada do que estás a pensar. Nesta série não se entrevistam as empresas mais trendy e com as propostas mais instagramáveis de Sillicon Valley, pelo contrário o podcast pretende dar uma ideia mais realista do que é começar um negócio, qualquer tipo de negócio. A última série foi inspirada num grupo de Padres e nas suas dificuldades em montar uma igreja cristã nos Estados Unidos da América.

Podes acompanhar aqui.

Independent Music Podcast

O Independent Music Podcast é um programa semanal que mostra o melhor da música independente de todo o mundo. É um podcast criado por Gareth Main e Anthony Chalmers, cuja ideia surgiu em 2010 quando o primeiro sentiu falta de algo que lhe mostrasse a música nova que surgia a cada semana. Depois de 36 episódios, o podcast esteve parado, mas em 2015 a dupla assumiu o compromisso de o relançar e desde então manteve a sua periodicidade semanal. A dinâmica do Independent Music Podcast é hoje diferente da inicial e uma montra de música independente, incrível, interessante e diversa. Há um novo episódio todas as segundas.

Podes acompanhar aqui.

Philosophy Bites

Um livro de filosofia pode ser muito para ti mas.. se for só uma dentadinha? Perdoa-nos o trocadilho feito com a tradução literal mas é que não há melhor forma de descrever este podcast. Regularmente um filósofo é convidado a falar sobre um tema breve que lhe seja caro pelo que este podcast é um desafio constante às nossas crenças pré-estabelecidas e uma boa forma de irmos esculpindo a nossa visão do mundo.

Podes acompanhar aqui.

99% Invisible

Este é um podcast sobre aquilo que não vemos mas com que lidamos – a arquitectura que se ergue silenciosamente moldando cidades, tornando-as mais ou menos parecidas a milhares de km’s de distância ou o design que aplicado às pequenas coisas altera o nosso quotidiano sem nos apercebermos das mudanças.

Podes acompanhar aqui.

Voice of Design

Larisa Berger, Erika Hall e Mike Monteiro começaram em Maio deste ano a publicar as suas conversas sobre design. Falam sobre o que é o design e o que é ser design nas suas múltiplas e possíveis acepções. É um podcast recente que conta com alguns convidados e que promete abordar o tema do design com unhas e dentes. O prazer de trabalhar independentemente, a questão da gamificação e a ética que atravessa a profissão são alguns dos tópicos já abordados.

Podes acompanhar aqui.

Design Matters

Começou como um pequeno programa de rádio com o mesmo nome, em 2005, e é hoje um podcast que partiu da vontade de Debbie Millman – nomeada “uma das mais influentes designers a trabalhar hoje” pela revista Graphic Design USA – de entrevistar designers que ela admirava. Começou a gravar o Design Matters de forma um pouco naif e a distribuir o programa através do iTunes. A certo ponto decidiu profissionalizar a coisa. O podcast passou a integrar a publicação Design Observer e é hoje ponto de encontro de designers, escritores, artistas, curadores, músicos e outras personalidades do mundo artístico contemporâneo.

Podes acompanhar aqui.

On Being with Krista Tippet

Integrado no On Being, um projecto editorial mais amplo e sem fins lucrativos – a casa de criadores, curadores e fazedores que buscam “o pensamento profundo e a coragem social, a imaginação moral e a alegria, para renovar a vida interior, a vida exterior e a vida em conjunto” –, este podcast é apresentado por Krista Tippet. São conversas que importam ter no século XXI – algumas mais espirituais, outras mais científicas, outras ainda sobre arte ou a sociedade – promovidas pela fundadora do On Being. O que significa ser humano? Como queremos viver?

Podes acompanhar aqui.

Revisionist History

Porque o passado também merece uma segunda oportunidade, Revisionist History é um podcast que vai aos arquivos e revisita um evento, uma pessoa ou uma ideia que ficou lá atrás. Pode ser Algo esquecido ou algo mal entendido na altura. É apresentado por Malcolm Gladwell, autora de vários bestsellers do New York Times e já nomeada pela revista Time como uma das 100 pessoas mais influentes no mundo. Em Revisionist History, Malcolm examina a forma como a passagem do tempo muda ou influencia a nossa compreensão do mundo que nos rodeia.

Podes acompanhar aqui.

The Skeptics Guide to Universe

O nome deixa-nos, no mínimo, curiosos. The Skeptics Guide to Universe (ou “O Guia dos Cépticos para o Universo”) é um podcast dedicado a promover o espírito crítico, a razão e o conhecimento público em relação à ciência. O primeiro episódio foi publicado no dia 4 Maio de 2005 (o “dia da força” para os fãs de Star Wars) e rapidamente se tornou um dos podcasts de ciência mais populares no iTunes. Somam-se quase 700 episódios.

Podes acompanhar aqui.

Conservation With People Who Hate Me

Dylan Marron tem provavelmente a proposta mais disruptiva desta lista de podcasts tal como o título indica. No seu podcast Dylan convida para conversa pessoas que tenham dito coisas desagradáveis sobre si ou, pontualmente, serve de moderador a pessoas que tenham chocado online. A sua  série é uma espécie de elogio à discorda que nos lembra que não temos de nos odiar só porque discordamos numa série de pontos ou porque nos ofendemos numa discussão que se descontrolou.

Podes acompanhar aqui.