Novo filme de Ivo M. Ferreira tem estreia mundial na China

Hotel Império será exibido no Festival Pingyao Crouching Tiger Hidden Dragon.

Depois do sucesso de Cartas Guerra, o realizador Ivo M. Ferreira filmou Hotel Império, projecto que terá a sua estreia no Festival Pingyao Crouching Tiger Hidden Dragon, evento criado em 2017 pelo cineasta chinês Jia Zhangke e pelo famoso director de festivais Marco Müller.

Protagonizado por Margarida Vila-Nova e pelo taiwanês de ascendência britânica Rhydian Vaughan, o filme acompanha Maria, uma mulher que sempre viveu no Hotel Império, em Macau. Com o pai envelhecido, o fardo de manter o decrépito hotel em funcionamento recai-lhe sobre os ombros. Canta Fado num Casino onde o jogo e a prostituição andam de mãos dadas, mas o dinheiro é pouco e os especuladores imobiliários tornam-se insistentes. Surge então Chu, jovem misterioso com um interesse obsessivo nela.

Recorde-se que há um ano atrás, Vila-Nova descreveu ao C7nema a sua personagem, categorizando-a como uma “uma sobrevivente”. “É filha de um português, uma personagem que fica amarrada ao seu passado, às suas memórias, à sua história, às suas raízes. É alguém que nasceu num ambiente muito particular, na pensão do pai, onde o jogo e a prostituição foram uma realidade que a acompanharam. Mas ela também torna-se incapaz de romper com o seu passado e de procurar o seu sonho e a sua verdadeira identidade. É uma personagem profundamente triste. É uma sobrevivente no sentido que o Hotel está penhorado e a sua grande luta é mantê-lo de pé, e todos aqueles que vivem dentro do Hotel e que a viram crescer. Não os deixar para trás. E a vida vai-lhe pregando partidas e surpresas que a vão transformando.”

O Festival Pingyao Crouching Tiger Hidden Dragon decorre de 11 a 20 de Outubro.

Texto de Jorge Pereira

(Nota: este texto foi originalmente publicado no c7nema, um dos mais antigos sites de informação, opinião e crítica de cinema em Portugal, tendo sido aqui reproduzido com a devida autorização.)