E se o Spotify te mostrasse as músicas mais ouvidas dos locais por onde viajas?

Uma ideia bem interessante.

 
O Shifter precisa de dinheiro para sobreviver.
Se achas importante o que fazemos, contribui aqui.

Orquestra de um lado da avenida, rap no bairro do outro, música comercial ligeira para quem conduz pela avenida. Este poderia ser o mapa sonoro de uma cidade. Diferentes zonas, públicos diferentes, logo gostos musicais diferentes. E se desse para explorar essa diversidade sonora na nossa cidade ou numa cidade, vila ou aldeia que à medida que a visitamos?

A ideia já pode ter passado pela cabeça de muitos, mas Nicolas Mzrd, um designer francês, decidiu dar-lhe cor e forma. E partilhar o resultado no Twitter.

“Quando viajo até uma nova cidade, passo horas a juntar as músicas daquele local para viver uma experiência imersiva – e se o Spotify pudesse reunir essas músicas icónicas e mostrá-las consoante a localização do utilizador? Dando a qualquer lugar uma banda sonora única”, partilhou o designer francês naquela rede social.

No tweet, Nicolas identificou Tobias van Schneider, o alemão que já dirigiu o design do Spotify e que encaminhou o entusiasta para a actual equipa. Partilhados tweets e DMs, quem sabe se a ideia de Nicolas não irá ver um dia a luz do dia.

O Shifter precisa de cerca de 1600 euros em contribuições mensais recorrentes para assegurar o salário aos seus 2 editores. O teu apoio é fundamental!