Conta-me Como Foi vai regressar 10 anos depois com o mesmo elenco

Luís Ganito, Rita Blanco e Miguel Guilherme vão participar na 6ª temporada, que deverá estrear no final de 2019.

A família Lopes cresceu. Desde que Conta-me Como Foi saiu do ar em 2011, os actores mais pequenos tornaram-se jovens adultos, os outros ficaram mais velhos também. Envelhecidas estão também as personagens da série histórica da RTP que, depois de um interregno não anunciado de oito anos, se prepara para regressar.

Luís Ganito, Rita Blanco e Miguel Guilherme, os actores que contaram a vida e histórias da família Lopes desde meados dos anos 1960 até à Revolução de 25 de Abril, estão confirmados no regresso de Conta-me Como Foi e voltarão a emprestar a sua voz, corpo e alma a Carlitos, Margarida e António, respectivamente. A nova temporada terá a sua estreia algures em 2019 e irá pegar na história da família Lopes nos anos 1980, com esta a viver já numa nova casa.

6ª temporada salta para os anos 1980

“Há muitos ganchos possíveis, desde a entrada de Portugal na CEE, ao boom da música portuguesa, ou ao contexto político muito vibrante em Portugal”, explicou José Fragoso, director de programas da RTP1 ao jornal Público. “Conta-me Como Foi é uma marca da ficção da RTP e entendemos que fazia sentido voltar à história, voltar àquela família. Temos de novo todas as condições.”

Estreada em 2007 e no ar até 2011, Conta-me Como Foi teve cinco temporadas e um total de 104 episódios, editados em DVD. A 6ª temporada deverá chegar ao ecrã da RTP1 e ao serviço de streaming RTP Play no último trimestre de 2019, ou seja, entre Outubro e Dezembro. A série conta através da família Lopes a vivência histórica, política e social de Portugal desde 1968 – um país mergulhado na ditadura e no colonialismo, um país isolado.

Série vai na 20ª temporada em Espanha

Conta-me Como Foi é uma série baseada na versão espanhola Cuéntame… Como Pasó, que estreou na TVE em 2001 e que tem sido renovada desde então. Cuéntame… Como Pasó tem actualmente 19 temporadas já emitidas, estando em preparação a 20ª temporada, com a acção temporal a centrar-se agora no final dos anos 1980, já muito depois da ditadura de Franco.

O regresso de Conta-me Como Foi enquadra-se na estratégia de séries televisivas que a RTP tem seguido, com uma aposta mais forte em mais produções desde 2016. Foram exibidas no horário nobre da RTP1 desde esse ano um total de 61 séries; Soldado Milhões, Vidago Palace, Sim Chef e Ministério do Tempo foram os quatro originais RTP mais vistos entre 2016 e 2018, dados que provam o interesse do público por séries de ficção de cariz histórico — da lista apenas Sim, Chef não aborda esta temática.