Como ser produtivo a trabalhar a partir de casa

Reunimos 6 dicas que podem fazer a diferença para que os dias corram de uma forma mais tranquila, sem que caias na espiral das notícias nem chegues ao fim do dia a achar que não fizeste nada de jeito.

Jan Baborák on Unsplash

Apesar de o trabalho remoto ser o sonho para alguns, numa situação sensível e de stress social como esta, e com esta mudança como mandatória para uma parte da população, alterar os hábitos sem perder a estabilidade emocional e os níveis normais de realização pessoal nem sempre é fácil. Quer queiramos quer não, o trabalho é uma parte importante da nossa vida e, para muitos, uma componente essencial para o equilíbrio mental, tal como o convívio com os colegas é uma parte de socialização importante para evitar os dias mais aborrecidos.

No Shifter trabalhamos frequentemente em ambiente remoto e a partir da casa de cada um de nós, por isso, partilhamos contigo algumas das ideias que ao longo do tempo fomos percebendo que podem fazer a diferença para que os dias corram de uma forma mais tranquila, sem que caias na espiral das notícias nem chegues ao fim do dia a achar que não fizeste nada de jeito.

Toma banho e veste-te

Pode parecer parvo dizer-te para te vestires para ficares em casa mas a verdade é que este momento faz uma diferença enorme. Mesmo que te vistas só da cintura para cima e continues com umas calças confortáveis e as tuas pantufas preferidas, não abdiques daquele momento de higiene em que mudas o chip da noite para o dia. Fá-lo tal e qual como se fosses sair de casa. Esse momento serve para te mentalizares sobre o dia que aí vem e para manteres uma certa separação entre o modo pessoal e o de trabalho.

Não saltes refeições nem as faças a trabalhar

Segundo ponto importante: come. Ok, vais ficar por casa e podes comer quando quiseres por isso decides começar o dia só com café… errado. Apesar de não precisares da energia para a deslocação e, aparentemente, o sono ser o único factor influente entre ti e um dia produtivo, é importante que te alimentes de modo nutritivo e que reserves momentos com o fazer. Se não estás sozinho em casa, óptimo, aproveita o momento para conviver com aqueles que partilham esta quarentena contigo. Se estás, aproveita esse momento para ler, ir às redes sociais ou ver uma série, filme ou programa de que gostes. Comer em frente ao computador não é boa ideia porque, mais uma vez, dilui o espaço importante entre a tua profissão e a tua intimidade. Comer deve ser um momento descontraído e prazeroso, aproveita que provavelmente tens um tempo extra, capricha numas panquecas ao pequeno almoço ou numa shakshuka para o jantar.

Arranja um espaço de trabalho

Um ou mais, desde que não passes o dia a trabalhar sentado na cama. Em casa não temos os espaços que temos no trabalho, muitas vezes nem temos as mesmas condições e a tendência preguiçosa é ficar na cama, abrir o computador e desatar a teclar. Contudo, devemos tentar criar espaços de trabalho em nossa casa onde nos sintamos bem, que estejam bem iluminados e onde as tentações da preguiça não estejam a menos de 50cm. Pode parecer estranho mas a luz e o ambiente frio da cozinha podem ser o ideal para a tua concentração ou até podes determinar espaços específicos para diferentes tarefas. Se só precisas de pensar na resolução daquele problema, não há mal nenhum em fazê-lo de forma descontraída refastelado numa cadeira confortável — esse pode ser o teu spot para pensar, enquanto uma zona mais organizada e austera faz as vezes quando o assunto é concentrar e produzir à séria.

Apanha ar

Pode parecer trivial ou até paradoxal darmos este conselho nesta altura mas ele é de extrema importância — tanto em casa como no escritório. É importante respirar bem e apanhar ar, para isso recomendamos que faças pausas frequentes no teu trabalho. Podes dar uma volta entre o quarto e a cozinha, abrir a janela e respirar fundo, olhar para as árvores ou para o céu. Simplesmente, parar e respirar ar puro. Como estás mais por casa, inevitavelmente terás um estilo de vida mais sedentário, por isso é importante criar momentos para alargar os pulmões e renovar o ar que neles circulam, algo que anteriormente farias inconscientemente por exemplo na linha à espera de um comboio.

Mantém-te em forma

Os ginásios a fechar e a frequência da rua desaconselhada não são desculpa para não fazeres algum exercício que te mantenha em forma. Mais uma vez, lembra-te que este momento é por definição mais sedentário e contraria-o. Começa a manhã com uma série de alongamentos ou fá-los nas pausas para respirar. Estica as costas, os braços, as pernas… cuida da tua postura. Quanto ao exercício, sê criativo. Existem vários programas de treino online como o 7 Minutes Workout. Neste, em apenas 7 minutos, consegues fazer um treino completo guiado por um app, para o qual não precisas de materiais absolutamente nenhuns, nem precisas de um espaço acima do que dispões. Pode parecer estranho desviar o sofá e fazer exercício na sala mas em tempos de urgência há que descobrir alternativas ao que tomamos por normal.

Começa um hobby

A última dica sobre trabalho remoto é: pára de trabalhar. Pode parecer tentador procrastinar todo o dia e trabalhar toda a noite, trocando os horários e criando uma espécie de ciclo vicioso em que nem trabalhas nem descansas. Pois bem, para isso aconselhamos-te a começar um hobby (ou voltar a ele). Aponta-o para o final das tuas tarefas, e abraça-o com tudo mal acabes o teu horário de trabalho. Ter algo para fazer “depois” do trabalho, vai dar-te alguma sensação de rotina e fazer com que mantenhas as coisas na linha, o que é fundamental para manteres uma boa saúde mental.

Estas são algumas dicas pessoais que te recomendamos para este momento. Podíamos dar mais, por exemplo, no que toca às melhores aplicações a utilizar. Nesse caso, recomendamos que vejas o artigo onde mostramos as apps que utilizamos no Shifter onde exploramos algumas ferramentas de trabalho colaborativo. Por fim, não deixes de beber copos com amigos ou os colegas do trabalho no final de um dia de trabalho — combina com eles encontrarem-se ao final do dia no servidor do Discord ou numa conversa de vídeo entre todos, enche um copo e desfruta, ri-te e partilha aquilo que correu melhor e pior no teu processo de trabalho. Essa troca de impressões vai fazer o teu dia parecer mais normal e as experiências dos teus colegas podem acrescentar um ou outro pormenor que pode fazer a diferença.

Milhares de pessoas seguem o Shifter diariamente, apenas 50 apoiam o projecto directamente. Ajuda-nos a mudar esta estatística.